sexta-feira, 10 de julho de 2009

Que este sonho nunca chegue ao fim

Majestosa alvorada.
Fagulha de luz em meio à escuridão.
Sol que começa a raiar.

Noite de sono plácido.
Sonhei que estava no paraíso,
Lugar de deleite sem fim.

Ao meu lado uma mulher especial.
De um brilho dourado,
Tom angelical.

Meu espírito repousa em calmaria.
Meu coração bate entusiasmado.
Todo o meu corpo treme excitado.

Em seus sorrisos encontro emoção.
Nos seus abraços, proteção.
Os seus lábios são pura satisfação.

Mais que uma companheira,
Ela é parte de minha essência.
A melhor porção de minha existência.

Com ela descobri a felicidade,
Aprendi o que é o amor,
Encontrei uma razão para viver.

Fecho os olhos.
Volto a dormir.
E fico à espera de que este sonho nunca chegue ao fim...

3 comentários:

anderson caetano disse...

E muito gratificante entrar no blog como este pois e de qualidade e informações pois passo a vários blogueiro este blog, visite o nosso que e andersonoradialista.blogspot.com abraços

Marcão L. Pereira disse...

Pena que esse sonhos chegue ao né meu velho amigo, sempre acordamos e às vezes o sonho era um pesadelo.
Abraço!

Emanuel Júnior disse...

"Tristeza não tem fim
Felicidade sim"